Como as pessoas aprendem?

A proposta deste texto não é trazer a resposta a essa questão, mas discutir alguns resultados recentes de pesquisas sobre o tema para auxiliar a análise sobre as melhores formas de desenhar experiências de aprendizagem. Atuando na formação de professores, ao compartilhar experiências consideradas transformadoras ao possibilitar o protagonismo e o desenvolvimento da autonomia dosContinuar lendo “Como as pessoas aprendem?”

Planejamento reverso e BNCC

O planejamento reverso ou, como no original  (Wiggins & McTighe, 2005), Backward design, tem como uma premissa, assim como vemos na aprendizagem baseada em projetos, a ideia de começar pelo fim. Já ouviu falar sobre essa proposta?

Aprendizagem Baseada em Projetos: desafios da sala de aula em tempos de BNCC

Artigo publicada pela autora, em parceria com Leandro Holanda, na Revista Educatrix, ano 8, no 14, 2018. Disponível aqui. Em meio a uma gama de novas metodologias de aprendizagem, nem tudo que vemos é tão novo assim… Projetos, por exemplo, são amplamente adotados no ambiente educacional e nos acompanham desde sempre. É difícil determinar emContinuar lendo “Aprendizagem Baseada em Projetos: desafios da sala de aula em tempos de BNCC”

Personalização na prática: algumas reflexões

Artigo publicado pela autora na Revista de Educação do SESI-SP Estudos sobre personalização costumam gerar dúvidas e indicar uma certa impossibilidade de implementação quando nos deparamos, por exemplo, com a quantidade de estudantes em sala de aula e pensamos em professores que lecionam para muitas turmas em uma ou, até mesmo, em mais do queContinuar lendo “Personalização na prática: algumas reflexões”

POR QUE METODOLOGIAS ATIVAS NA EDUCAÇÃO?

As metodologias ativas estão cada vez mais na pauta de discussão de eventos, encontros   materiais publicados na área de educação. Nunca se falou tanto em inovar processos  educacionais, rever práticas, formar professores para uma educação transformadora e considerar os estudantes como protagonistas, desenvolvendo sua autonomia no decorrer da escolaridade. Tendemos a considerar como mais umContinuar lendo “POR QUE METODOLOGIAS ATIVAS NA EDUCAÇÃO?”

O que não vai mudar na educação

Um texto em um blog que fala sobre inovação na educação começando dessa forma não é muito usual, não é mesmo? Tenho acompanhado alguns autores que discutem inovação na educação no mundo e acabei me deparando com artigos escritos por mais de um deles abordando essa temática e fiz um levantamento do que eles apontamContinuar lendo “O que não vai mudar na educação”

Sobre ensino e aprendizagem

“Teaching and learning are correlative or corresponding processes, as much so as selling and buying. One might as well say he has sold when no one has bought, as to say that he has taught when no one has learned” (Dewey, 1910, p. 29) Para Dewey, então, não podemos dizer que ensinamos algo se ninguémContinuar lendo “Sobre ensino e aprendizagem”

As tecnologias digitais e seu papel transformador nas ações de ensino e aprendizagem

Apresento neste texto alguns trechos extraídos da minha tese. TDIC – Tecnologias Digitais da Informação e da Comunicação – ou TIC – Tecnologias da Informação e da Comunicação – ou, ainda NTIC – Novas Tecnologias da Informação e da Comunicação – são alguns dos termos utilizados pelos pesquisadores desta área e podem ser considerados, deContinuar lendo “As tecnologias digitais e seu papel transformador nas ações de ensino e aprendizagem”